06/03/2017 às 10:10 - Atualizado em 16/03/2017 às 08:23

Prefeitura adia início da aplicação de multa por infração flagrada por câmera

Medida deveria ter início em Cuiabá a partir desta segunda-feira (6).
Prefeito disse que multas serão aplicadas somente daqui a 120 dias
.

O início da aplicação de multas por infrações flagradas por câmeras de videomonitoramento em Cuiabá, previsto para esta segunda-feira (6), foi adiado por 120 dias. O anúncio da mudança foi feito pelo prefeito Emanuel Pinheiro (PMDB) na noite de domingo (5), por meio do Facebook. O gestor disse que a alteração se deu porque não houve campanha educativa ampla o suficiente sobre o tema e que os infratores receberão, pelos próximos quatro meses, apenas notificações.

A ideia da prefeitura já era começar a aplicar multas por infrações flagradas pelas câmeras da Central de Monitoramento da Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob), com foco especial na faixa exclusiva para o transporte coletivo, a fim de que não seja ocupada por outros veículos. Mas, outras infrações como o uso do telefone celular no trânsito e o não uso do cinto de segurança, também deverão ser flagradas.

Segundo a prefeitura, a Central de Monitoramento já estava prevista para funcionar desde 2014, mas isso só ocorreu em 2015, com 32 câmeras, e que a legislação atual prevê multa e outras sanções, admitindo a utilização dos meios eletrônicos da Central de Monitoramento em auxílio ao agente de trânsito.

O prefeito disse que, apesar da Semob estar fazendo o alerta desde fevereiro de que as multas seriam aplicadas a partir de março, ele entendeu que não foi feita campanha educativa suficiente para esclarecer o público.

Os equipamentos de videomonitoramento estão instalados nos cruzamentos entre as avenidas Mato Grosso e Historiador Rubens de Mendonça, e Carmindo de Campos e Tancredo Neves; e no encontro entre as avenidas Tenente Coronel Duarte com a Generoso Ponce. A Avenida Historiador Rubens de Mendonça, no trecho perto do viaduto da Avenida Miguel Sutil também tem equipamento de monitoramento.

As próximas vias que deverão receber os aparelhos as avenidas Fernando Corrêa da Costa e Getúlio Vargas.

 

Fonte: Do G1 MT